Lista 1

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Os 10 melhores filmes de ação

Eles são a essência do cinema. Seus roteiros nos transportam para um universo com fortes emoções, heróis carismáticos e no qual muitas das leis da física são revogadas. Os filmes de aventura ou ação constituem um dos gêneros prediletos do público por serem justamente a pura realização da magia cinematográfica.

Neles, os disparos dos vilões raramente acertam os heróis, mas os tiros disparados pelos mocinhos são certeiros. E sempre há uma solução engenhosa que faz heróis e heroínas saltarem sem paraquedas de um avião em chamas a milhares de metros de altura e saírem praticamente ilesos.

Conheça quais são os dez melhores filmes de ação e aventura de todos os tempos:

 10. Top Gun - Ases Indomáveis (1986)



Top Gun
Reprodução
As imagens incríveis dos voos dos caças supersônicos da Marinha dos Estados Unidos são uma das principais razões que fizeram de "Top Gun - Ases Indomáveis" um grande filme de ação. Mas há outras. Uma delas foi o sucesso de Tom Cruise interpretando Pete Maverick, aspirante a piloto dos caças F-14. Um tipo rebelde que, quando não está na academia estudando para ser um Top Gun, usa óculos escuros, jaqueta de couro e pilota uma motona para tentar conquistar o coração da instrutora Charlotte Blackwood, interpretada por Kelly McGillis.

Com direção de Tony Scott, o filme desenvolve-se cheio de cenas de perseguições aéreas e imagens impressionantes dos caças em ação, deixando em segundo plano o romance dos protagonistas. Ainda assim, a trilha sonora com temas românticos, como "Take My Breath Away", do grupo Berlin, tornou-se uma das mais executadas na época. No elenco, astros iniciantes como Meg Ryan, Val Kilmer e Anthony Edwards.

9. Parque dos Dinossauros (1993)



Jurassic Park

Steven Spielberg é um dos melhores diretores de todos os tempos e uma das razões disso é sua capacidade de dirigir filmes de aventura. "Parque dos Dinossauros" foi baseado no best-seller "Jurassic Park", de Michael Crichton. A evolução das descobertas genéticas está na base da trama que mostra uma ilha, uma espécie de parque de diversões temático, onde várias espécies de dinossauros foram recriadas a partir de DNA encontrado preservado num fóssil.

Efeitos especiais primorosos, um roteiro inteligente sobre cientistas bem e mal intencionados e cenas de ação impressionantes, com muitos sustos e perseguições, fazem de "Parque dos Dinossauros" um filme eletrizante que prende a atenção dos espectadores por duas horas quase sem nos dar a chance de respirar. O filme venceu três Oscars, de efeitos especiais visuais, efeitos especiais sonoro e som.



8. A Grande Escapada (1963)



Fugindo do Inferno
Reprodução
Baseado numa história verdadeira retratada no livro de Paul Brickhill, "A Grande Escapada" é um divertido épico sobre a Segunda Guerra Mundial. Soldados americanos e ingleses aprisionados em um campo nazista planejam uma fuga através de três túneis subterrâneos. Entre eles está Hilts, um fugitivo contumaz interpretado brilhantemente por Steve McQueen. Aventura heróica, o filme tem dois momentos.

A primeira parte constitui-se numa divertida comédia que retrata os tipos envolvidos no plano, como o soldado que tem claustrofobia e tem de ser um dos escavadores do túnel ou o trambiqueiro que consegue qualquer coisa junto aos guardas ou outros prisioneiros. A segunda parte é pura aventura, quando eles recorrem a todos os meios para escapar da Europa ocupada pelos nazistas. A direção é de John Sturges e no elenco, além de McQueen, estão James Garner, Richard Attenborough, Charles Bronson e James Coburn, entre outros.

7. 007 contra Goldfinger (1964)



007
Reprodução
Desde o primeiro da série, os filmes de James Bond são sempre cheios de ação e aventura. Mas a partir deste a série ganhou uma identidade própria, quase que criando um gênero específico, o dos filmes de espionagem. Em "007 contra Goldfinger", as aventuras do espião com licença para matar, baseadas no livro de Ian Fleming, extrapolam o ambiente da Guerra Fria para incluir temas típicos das histórias em quadrinhos.

Todos os elementos tradicionais do superagente estão presentes, como as armas hi-tech, o elegante Aston Martin equipado com mil acessórios dignos de um superespião e o charme e o impecável smoking de 007, interpretado por Sean Connery. Na história em que o vilão bilionário Goldfinger tenta contaminar radioativamente o ouro armazenado em Fort Knox, para torná-lo inacessível por séculos e valorizar o que ele possui estocado, estão alguns dos melhores momentos da trajetória de James Bond no cinema.


6. Duro de Matar (1988)



Duro de Matar
Reprodução
John McClane é um policial de Nova York que está em Los Angeles para encontrar a esposa e tentar superar um casamento em crise. Enquanto conversam no escritório em que ela trabalha, o prédio é tomado por terroristas. O que os pobres fascínoras não esperavam é que entre os reféns estivesse um tipo como McClane. Interpretado por Bruce Willis, no papel que o consagrou no cinema, ele é um herói solitário, sarcástico e impiedoso com os bandidos.

Construindo um personagem que se tornaria um mito do cinema de ação dos anos 90, Willis protagoniza uma das mais emocionantes disputas entre sofisticados vilões e um simples servidor público, que por estar no lugar errado na hora errada transforma-se num verdadeiro exército de um homem só. Além das impactantes cenas de ação e das soluções inteligentes e inesperadas para as situações que enfrenta, McClane é um personagem cheio de tiradas engraçadas e com um comportamento que remete aos clássicos heróis do romance policial.

5. Os Intocáveis (1987)



Os Intocáveis
Reprodução
Pensando friamente é pouco provável que uma equipe da Receita Federal possa protagonizar algum tipo de filme de ação. Mas em "Os Intocáveis" é exatamente isso que acontece. Dirigido por Brian de Palma, o filme conta como a Receita Federal norte-americana montou uma equipe de superagentes encarregada de combater e prender gângsteres como Al Capone.

À frente da equipe está o agente Eliot Ness, interpretado por Kevin Costner, numa Chicago da época da Lei Seca. Sequências espetaculares, como a da escadaria na estação de trem, inspirada em cena de "Encouraçado Potemkin", ou a de como Al Capone, interpretado por Robert De Niro, encerrava algumas de suas reuniões, fazem de "Os Intocáveis" um filme empolgante e ao mesmo tempo um retrato de um dos mais sangrentos períodos da história americana.



4. Tubarão (1975)



Tubarão
Reprodução
Na década em que os filmes-catástrofes deram o tom e em que "Guerra nas Estrelas" mudou os paradigmas cinematográficos, Steven Spielberg deu início a toda essa revolução com a adaptação do livro "Tubarão", de Peter Benchley, para as telonas.

O suspense da obra literária que narrava um bizarro tubarão assassino que ataca numa cidade de veraneio nos Estados Unidos ganhou momentos de ação e terror na visão do diretor, que soube explorar o medo humano em relação à natureza e a tensão crescente provocada por uma fera assassina que está lá mas que vemos muito pouco.

Apesar de ter menos momentos de ação do que muitas outras boas aventuras, a atmosfera de terror criada no filme é mais do que suficiente para hipnotizar as plateias até hoje. No elenco, Richard Dreyfuss, Roy Scheider e Robert Shaw, entre outros.


3. Batman - O Cavaleiro das Trevas (2008)



Batman - O Cavaleiro das Trevas
Reprodução
De todas as versões do Homem Morcego que chegaram às telonas, "O Cavaleiro das Trevas" é a mais impactante. Com atuações fantásticas de Heath Ledger, como o Coringa, e Christian Bale, como Batman, o filme tem cenas de ação de tirar o fôlego, como a sequência inicial do roubo ao banco, a da perseguição na Bat-Pod, a moto futurística do herói mascarado, ou a do vôo noturno em Hong Kong, todas filmadas com equipamento IMAX.

A atmosfera claustrofóbica e sombria criadas pelo diretor Chris Nolan ajuda a manter uma tensão constante e a descarregar adrenalina nos espectadores em cenas como a do interrogatório do Coringa feito por um Batman a caminho da insanidade. Com um dos melhores roteiros já criados para os filmes do Batman, "O Cavaleiro das Trevas" mostra as violentas aventuras e as angustiantes ações de um super-herói atormentado.

2. O Senhor dos Anéis (2001, 2002 e 2003)



Senhor dos Anéis
Reprodução
Baseada na obra de J. R. R. Tolkien, a trilogia de "O Senhor dos Anéis" é um épico recheado de cenas espetaculares e de sequências de ação de atordoar qualquer um. O filme teve uma produção nunca antes vista na história do cinema. O diretor Peter Jackson passou 16 meses filmando o que resultou nas nove horas vistas nos três filmes.

A superprodução conseguiu levar para as telonas o universo mágico e impressionante criado por Tolkien de um mundo conhecido como Terra Média. Um lugar habitado por hobbits, feiticeiros, elfos, homens e demônios.

Os cenários espetaculares, o desempenho irrepreensível dos atores e um roteiro que transpôs com perfeição a atmosfera mítica criada no livro construíram filmes perfeitos que receberam nada menos do que 30 indicações para o Oscar e venceram em 17. No elenco estão Ian McKellen, Elijah Wood, Virgo Mortensen, Liv Tyler, Cate Blanchet e Orlando Bloom, entre outros.

1. Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida (1981)



Indiana Jones - caçadores da arca perdida
Reprodução
Este é o clássico dos clássicos dos filmes de aventura. Todos os principais elementos que o tornam espetacular foram precisamente compostos pela direção de Steven Spielberg e pela atuação brilhante de Harrison Ford como um pacato professor de arqueologia que transforma-se nas suas folgas num aventureiro caçador de relíquias.

O filme é um tributo aos antigos seriados televisivos e filmes B e reúne humor, ação, efeitos especiais, realidade e mitos para construir uma narrativa ágil, empolgante e que nos faz ficar com os olhos vidrados na telona durante suas duas horas de duração. Em "Os Caçadores da Arca Perdida", Indiana Jones vai para o Egito, em plena Segunda Guerra Mundial, em busca da Arca da Aliança, aquela em que Moisés teria guardado os dez mandamentos.

Mas os nazistas também a querem, já que segundo a lenda o exército que a possuir será invencível. A partir dessa trama constrói-se uma aventura conduzida com maestria por Spielberg e que conta com todos os elementos clássicos desse tipo de filme, como uma donzela em perigo, um vilão traiçoeiro e um herói corajoso mas que apanha bastante, é sarcástico e muitas vezes age como um ladrão de tesouros arqueológicos.

4 comentários:

  1. Indiana Jones não é de Ação, mas sim aventura,

    ResponderExcluir
  2. Quem fez essa lista não sabe o que é filme de ação... pois ela tem vários equívocos, batman como 3º? não deveria nem entrar na lista, e o senhor dos anéis então nem se fala, o filme da até sono, como pode ser de ação? cadê carga explosiva, máquina mortífera, a balada do pistoleiro, kill bill, missão impossível e melhor de todos o exterminador do futuro 2? que na minha opinião deveria estar no topo da lista.

    ResponderExcluir
  3. iii .. brinca naum o batman em 2008 arrebento com o personagem coringa .. fica quieto ai q vc nau msabe di nada

    ResponderExcluir
  4. INDIANA JONES,JURASSIC PARK E A TRILOGIA O SENHOR DOS ANÉIS SÃO OS MEUS PREFERIDOS.

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para mim!

Você também poderá se interessar por estes artigos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...